Home / Nielsen lança metodologia para publicidade digital sem cookies

Nielsen lança metodologia para publicidade digital sem cookies

Fonte: Meio e Mensagem

7 de abril de 2022

Digital Ad Ratings e Nielsen Identity System envolvem identificadores de dispositivos e dados demográficos

A Nielsen apresentou nesta quinta-feira, 7, o Digital Ad Ratings, uma metodologia de medição de anúncios digitais com o apoio do sistema de identificação Nielsen Identity System, também lançado essa semana. As soluções são lançadas no Brasil, Alemanha. Austrália, Canadá, Espanha, Índia e Indonésia.

O Digital Ad Ratings oferece a possibilidade de anunciantes medirem alcance e frequência de suas campanhas por diferentes plataformas para confirmar se o anúncio atingiu o público-alvo. Segundo a Nielse, a empresa tira a duplicidade dos dados demográficos para obter métricas reais baseadas em pessoas em dispositivos móveis e desktop.

A metodologia também se apoia no Nielsen Identity System, que é alimentado por dois bilhões de identificadores de dispositivos globalmente e conecta impressões de anúncios digitais a dados demográficos da empresa e provedores de dados terceirozados. Segundo a Nielsen, as soluções não usa cookies de terceiros.

A Nielsen foi recentemente adquirida por um consórcio de fundos de private equity, mas ainda enfrenta questionamentos em relação validade das suas métricas. Em dezembro de 2021, a empresa informou aos clientes que subnotificou audiências fora de casa para programação de TV nacional desde setembro de 2020. Em março, o Video Advertising Bureau disse que a empresa estava trabalhando com dados inutilizáveis e programadoras como NBCUniversal, WarnerMedia e ViacomCBS, começaram criar suas próprias alternativas de medição.

Confira matéria no Meio e Mensagem

Voltar para Início

Notícias Relacionadas

Prefeitura de São Paulo autoriza a retomada de gravações em locais públicos
Decreto N°59.600, assinado pelo prefeito da cidade de São Paulo, autoriza a retomada de filmagens e gravações em espaços públicos. Os trabalhos devem seguir os protocolos sanitários estabelecidos por lei.Leia Mais
Lei das fake news pode ser garantia de processo democrático sem riscos
A Câmara dos Deputados rejeitou o pedido para que o projeto de Lei das Fake News avançasse e fosse votado com urgência no Plenário da Casa. O texto criminaliza o disparo em massa de notícias falsas, entre outras regras. A proposta está em debate entre os deputados desde 2020. A proposta também prevê que empresas […]

Receba a newsletter no seu e-mail