Home / Marcas e agências se unem em campanha para incentivar jovens a tirarem o título de eleitor

Marcas e agências se unem em campanha para incentivar jovens a tirarem o título de eleitor

Fonte: Propmark

4 de maio de 2022

Prazo para tirar e regularizar o título termina nesta quarta-feira (4), e ações de incentivo aos jovens envolveram de marcas a nomes internacionais, como Leonardo DiCaprio e Mark Ruffalo

Esta quarta-feira (4) é o último dia para regularizar e tirar o título de eleitor para as eleições 2022 — ambas as solicitações podem ser realizadas de forma online e gratuita pelo site do Tribunal Superior Eleitoral.

A campanha para incentivar os jovens de 16 e 17 anos a tirarem o título tomou conta das redes sociais nas últimas semanas, e envolveu nomes como Anitta, Juliette e Whindersson Nunes, isso sem falar nos atores hollywoodianos Mark Ruffalo e Leonardo Di Caprio.

Recentemente, anunciantes como Burger King, The Body Shop, Eyxo e as agências Mynd e Chango Digital lançaram campanhas incentivando os jovens a tirarem seus títulos de eleitor.

A The Body Shop disponibilizou em sua loja localizada no Shopping Pátio Paulista, em São Paulo, uma equipe para ajudar as pessoas a tirarem o título pela internet. A ação começou nesta segunda-feira (2) e vai até esta quarta-feira (4).

Burger King lançou uma campanha com um filme produzido David que pergunta “Você gosta de votar em reality show?”, e questiona “Então por que não faz isso nas eleições?”.

A campanha tem como objetivo gerar engajamento do público quanto a participação das eleições e finaliza com a mensagem: “Vota no Reality? Vote na vida real também! Tire o título de eleitor até o dia 04 de maio e escolha o futuro do seu jeito”.

As agências Mynd e Chango Digital também se juntaram em prol da causa e convocaram um time de influenciadores e artistas para a ação #EhTudoOnline, com foco nas eleições deste ano.

Entre as personalidades, estão Luísa Sonza, Pabllo Vittar, Tia Má, Camilla de Lucas, Vanessa Lopes e Vivi Wanderley, que postaram em suas redes sobre o assunto com o intuito de conscientizar os jovens sobre a importância e o poder do voto consciente, além de apresentarem orientações sobre regularização e transferência do documento.

A Eyxo Content Co. convocou os creators do Eyxo+, banco de diversidade e inclusão, para a campanha #escolhademilhões, que também convida os jovens a tirarem seus títulos.

De outras eleições
As campanhas deste ano, aparentemente, deram resultado. De acordo com dados do TSE, até o dia 21 de março deste ano, 854.685 jovens de 15 a 18 anos já haviam solicitado a emissão do primeiro título de eleitor, número este que corresponde a quase dois terços do total de jovens que se alistaram para votar nas eleições municipais de 2020.

Este movimento de campanhas pela regularização do título de eleitor não é de hoje. Em 2020, a agência TracyLocke criou a campanha “Ida-e-Vota” para a ClickBus que transformava o título de eleitor em descontos de 85% em passagens de ônibus.

Em 2018, durante as eleições presidenciais, a Ben&Jerry’s e o Burger King também fizeram campanhas que incentivavam o público jovem a tirarem o título.

Na época, a rede Ben&Jerry’s estava dando 10% de desconto na compra de qualquer sabor de sorvete para quem apresentasse o título de eleitor na loja.

Já o Burger King decidiu “alfinetar” os consumidores que pretendiam votar em branco. Na ação desenvolvida pela David, a loka do BK na Avenida Paulista recebeu uma urna eletrônica personalizada onde os consumidores puderam escolher se votariam em algum candidato ou em branco.

Quem optou pelo voto em branco recebeu o Whopper em Branco, que vinha com a mensagem “Esse é o Whopper em Branco, um sanduíche com ingredientes escolhidos por outra pessoa. E quando alguém escolhe no seu lugar, não dá para reclamar do resultado”.

Confira matéria no Propmark

Voltar para Início

Notícias Relacionadas

‘Liberdade de expressão não é liberdade de viralização’ (vídeo)
Em entrevista para o Inova.jor, Marcelo Bechara Hobaika, diretor de Relações Institucionais do Grupo Globo e conselheiro da ABERT, fala sobre o livro que acaba de lançar “Buracos negros digitais: a responsabilidade como defesa à livre expressão e combate à censura na internet” e sobre a responsabilização das plataformas pelo impulsionamento de conteúdo de desinformação […]
Globo passa a segmentar publicidade no Globoplay
A TV Globo começou a segmentar a publicidade apresentada a seus telespectadores de acordo com dados como idade, gênero e localização. A solução está disponível inicialmente para os espectadores que acompanham a programação pelo Globoplay, o serviço de streaming da companhia. O serviço funciona assim: enquanto quem está assistindo a um programa pela TV aberta recebe uma […]

Receba a newsletter no seu e-mail