Home / Google gastou R$ 2 milhões em anúncios sobre o PL das fake news

Google gastou R$ 2 milhões em anúncios sobre o PL das fake news

Fonte: Correio Braziliense

23 de junho de 2023

Executivos do Google disseram em depoimento à Polícia Federal que a empresa gastou cerca de R$ 2 milhões em anúncios sobre o PL das Fake News.

A informação foi confirmada pelo presidente do Google no Brasil, Fábio José Silva Coelho, e o diretor de Relações Governamentais e Políticas Públicas da empresa Marcelo Lacerda.

Eles foram ouvidos na semana passada no inquérito que investiga se a empresa manipulou buscas e fez campanha contra o texto. A investigação foi aberta a pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR), a partir de um ofício do presidente da Câmara dos Deputados Arthur Lira (PP-AL).

Os anúncios, segundo os depoimentos, foram veiculados em rádios, jornais, redes sociais e no próprio Google. Os executivos negaram, no entanto, que o objetivo fosse pressionar parlamentares a votar contra o projeto de lei.

“Os anúncios não tinham como objetivo manifestar oposição ao projeto de lei em questão, mas sim abrir espaço para o debate quanto as possíveis melhorias em seu texto”, afirmou Coelho. “O Google é aberto ao diálogo e não é contra a regulamentação.”

Autor de um artigo que acusou o PL de aumentar a confusão entre o que é verdade e mentira no Brasil, Marcelo Lacerda justificou que o objetivo do Google é tornar o debate mais plural.

Ambos negaram que a empresa tenha interferido no resultado das buscas sobre o projeto de lei ou tentado direcionar a percepção dos usuários.

Os executivos disseram ainda que os textos publicados pelo Google sobre o projeto de lei refletem a posição institucional da empresa e tiveram como objetivo demonstrar a possibilidade de aprimoramento do texto.

Confira matéria no Correio Braziliense

Voltar para Início

Notícias Relacionadas

Cinco tendências para estratégias criativas segundo a Kantar
A KanTar apresenta a primeira edição do Kantar Creative Effectiveness Awards no Brasil. A premiação avalia quais campanhas foram as mais eficazes para alavancar as vendas das marcas no curto prazo e, ao mesmo tempo, para construir equity de marca no longo prazo. Divididos entre as categorias de social e digital e de TV, os cases […]
Três razões pelas quais marcas estão explorando canais não-digitais em suas estratégias de publicidade (em inglês)
Com espaços publicitários digitais se tornando mais caros e disputados, marcas buscam alternativas para se destacar e engajar os consumidores.

Receba a newsletter no seu e-mail