Home / Publicidade cresce 12,5%

Publicidade cresce 12,5%

Fonte: Valor

2 de setembro de 2022

Os investimentos em publicidade no primeiro semestre deste ano passaram de R$ 7,3 bilhões, no primeiro semestre de 2019, para R$ 8,3 bilhões neste ano, até junho, segundo o Cenp-Meios

Os investimentos em publicidade no primeiro semestre deste ano cresceram 12,5% em relação ao mesmo período de 2019. Passaram de R$ 7,3 bilhões para R$ 8,3 bilhões, em números arredondados. Mais uma vez os anúncios em meios digitais avançaram, de 28,1% para 31% do total de gastos em publicidade, no período. Subiram de R$ 2 bilhões para R$ 2,5 bilhões neste ano. Os números são do Cenp-Meios, fórum de autorregulação do mercado
publicitário.

Se dolarizados, os investimentos totais em publicidade ainda não superaram os valores pré-pandemia: US$ 2,1 bilhões no primeiro semestre de 2019. No mesmo período deste ano ficaram em US$ 1,9 bilhão, aumento de US$ 300 milhões em relação aos seis primeiros meses do ano passado.

No primeiro semestre deste ano a TV aberta ficou com 46,1% do bolo, pouco mais de R$ 3 bilhões. O levantamento feito pelo Cenp-Meios contabiliza as transações efetivamente realizadas por 309 empresas localizadas nas cinco regiões do território nacional. O Cenp reúne 1.288 agências certificadas no país e 474 veículos associados.

Confira matéria no Valor

Voltar para Início

Notícias Relacionadas

Empresários criticam reforma tributária
Empresários comentam o projeto de reforma tributária e fazem críticas quanto à apresentação das propostas em duas etapas. “Estamos nos articulando para colocar nossa visão de forma clara junto ao Congresso e lutar por nossa sobrevivência, mas por outro lado estamos acompanhando o envio da reforma completa para uma análise melhor”, afirma Cláudio Carvalho, presidente […]
‘Big techs’ precisam remunerar operadoras, inclusive, no Brasil, diz presidente da Claro
O presidente do Grupo Claro, José Félix, fez coro a outros executivos do setor de telecomunicações de que as empresas globais de internet, as “big techs”, precisam remunerar as operadoras por sobrecarregarem as redes. Posição semelhante foi manifestada pelo presidente da Telefônica Brasil, Christian Gebara. Ambos participaram nesta terça-feira do Painel Telebrasil Summit 2023. “Precisamos urgentemente endereçar […]

Receba a newsletter no seu e-mail