Home / Natal de 2021 pode ser o melhor dos últimos anos

Natal de 2021 pode ser o melhor dos últimos anos

Fonte: Jornal Correio

13 de outubro de 2021

Por Americo Neto, presidente da ABAP Bahia e sócio-diretor da Viamidia

As agências de Publicidade e Propaganda baianas esperam que esse seja um dos melhores natais dos últimos tempos. Por isso, estão reforçando seus times, melhorando sua estrutura e investindo em tecnologia. 

Neste processo, estão buscando mais profissionais de digital, de tecnologia, que produzem conteúdos como podcast, vídeo e websérie, aprimorando cada vez mais o trabalho com as redes sociais, mídias alternativas e novas ferramentas para impulsionar negócios.

Este reforço nos times e a evolução nas habilidades e nos perfis profissionais é uma tendência mundial. Nos EUA, por exemplo, há alguns anos, as agências contam com profissionais de dados, estatísticas, sociologia, arquitetura e isso já começa a ser trabalhado nas agências baianas que têm clientes nacionais e filiais fora do estado.  

Há uma força muito grande na nossa publicidade. Por conta disso, temos sido demandados e, também, estamos ofertando novos serviços, muitos deles baseados em tecnologia, conteúdo e formas inovadoras para conquistar os objetivos. 

A retomada das atividades econômicas e, consequentemente, o aumento na demanda de trabalho decorrente de mercados que estão oferecendo grandes oportunidades aos consumidores – a exemplo do mercado imobiliário; da revenda de veículo; do varejo; do turismo, que já observamos adequado à nova era; além do lançamento de novas marcas que estão entrando na Bahia e anunciando – tem sido bastante positiva para o setor.

Com o retorno das ações voltadas aos eventos presenciais, a expectativa da Associação Brasileira de Agências de Publicidade na Bahia (ABAP Bahia) é a de que o setor conquiste um crescimento em torno de 11% e os sinais dessa projeção podem ser vistos nas campanhas que estão sendo veiculadas, nas ações de publicidade, na disputa por espaços publicitários, na busca por melhor posicionamento de marca.  

O terceiro trimestre de 2021 foi bom, de retomada e, tudo indica, o quarto trimestre seguirá no mesmo ritmo de crescimento. Outra expectativa é a de que a demanda reprimida nos períodos mais críticos da pandemia, de passeio, troca de carro e guarda-roupa, de viajar, de viver a vida fora de casa, mantenha o ano de 2022 em movimento.  

Importante, agora, é mantermos os protocolos sanitários para que possamos ter um final de 2021, um começo de 2022 e um verão muito bons, com boas notícias, podendo aproveitar, dentro de cada momento, a retomada das atividades econômicas. 

Temos planos ambiciosos para 2022, com foco em estar próximos aos nossos players, que são nossos associados, líderes de agências e anunciantes e, junto com eles, desenvolvermos as atividades previstas no calendário que está sendo amadurecido com foco em compartilhar insights. Com o envolvimento do mercado, buscamos alçar voos maiores em 2022. 

Confira o artigo no Correio.

Voltar para Início

Notícias Relacionadas

Os desafios da retenção de talentos no mercado publicitário
Os desafios para retenção de talentos não são de exclusividade do mercado publicitário brasileiro, embora o insumo principal da atividade sejam as pessoas. Segundo a 25ª edição do Índice de Confiança Robert Half (ICRH), estudo trimestral que monitora o sentimento dos profissionais em relação ao mercado de trabalho e à economia, 76% dos recrutadores estão […]
‘Conteúdos mais raivosos engajam mais’ — e democracias podem sofrer com isso (áudio)
O Estúdio CBN conversou com Laura Moraes, coordenadora de campanhas da Avaaz, e com Fabio Malini, professor de Novas Mídias na Ufe, sobre uma pesquisa que concluiu que o Facebook falhou com os eleitores e quase destruiu a democracia americana.Leia Mais

Receba a newsletter no seu e-mail