Home / 6ª Câmara vota representações

6ª Câmara vota representações

Autoria: Conar

20 de outubro de 2022

O Conselho de Ética do Conar promoveu reunião da manhã de hoje por meios virtuais, da sua 6ª Câmara. Confira os resultados:

Representação Nº 169/22, “Croco Gastrobar e Dicas no ABC – Que tal um lugar pra você desfrutar de cortes deliciosos, uma ilha completa de culinária japonesa?”. Resultado: alteração por unanimidade.

Representação Nº 170/22, “Nestlé Brasil – Creme de Leite – Mistura de Creme de Leite”. Resultado: alteração por unanimidade.

Representação Nº 171/22, “KR Soluções Financeiras, Bruno Souza, Gabriela Martins, Natália Deodato e Viih Tube – Saque do FGTS” e “Crédito exclusivo para quem recebeu o Auxílio Brasil”. Resultado: sustação de um dos anúncios agravada por advertência às influenciadoras Gabriela Martins e Natália Deodato, por unanimidade.

Representação Nº 174/22, “Bufalo Churrascaria e Dicas no ABC – Uma churrascaria com ilha de culinária japonesa, camarão, massas e risoto, tudo à vontade por R$ 59,90”. Resultado: alteração agravada por advertência, por unanimidade.

Representação Nº 181/22, “Pandora do Brasil Comércio e Importação – Compre uma joia e leve + 1 de presente”. Resultado: sustação agravada por advertência, por unanimidade.

Participaram da reunião de hoje os conselheiros Augusto Fortuna, Fernanda Barjud, Hiram Baroli, Jerusa Menegaldo, José Francisco Eustáchio, José Francisco Queiroz, Larissa Moré, Luiz Fernando Constantino, Luiz Guilherme Valente, Paulo Chueiri, Péricles D’Avila e Rubens da Costa Santos.

Confira no Conar

Voltar para Início

Notícias Relacionadas

Covid-19, plataformas digitais e a desinformação online no Brasil
Artigo do advogado de Direito Digital Fabricio Polido defende que medidas de controle para combater conteúdos desinformativos não podem depender da atuação isolada de plataformas e requerem ações das autoridades para aplicação da lei. Leia Mais
PGR pede ao STF para investigar diretores do Google e Telegram por ação contra PL das Fake News
A Procuradoria-Geral da República (PGR) solicitou nesta quinta-feira (11), ao Supremo Tribunal Federal (STF) a abertura de investigação contra diretores do Google e do Telegram por atuação contra o Projeto de Lei das Fake News. O pedido à PGR foi encaminhado pelo presidente da Câmara do Deputados, Arthur Lira (PP-AL), que acusa os dirigentes de “contundente e abusiva ação” […]

Receba a newsletter no seu e-mail