Home / WPP cresce 2% no primeiro semestre e reduz previsão para 2023

WPP cresce 2% no primeiro semestre e reduz previsão para 2023

Fonte: Meio e Mensagem

9 de agosto de 2023

Nesta sexta-feira, 4, o WPP divulgou os resultados financeiros da holding no segundo trimestre do ano, assim como os números semestrais. Na primeira metade de 2023, a receita orgânica da companhia cresceu 2% e atingiu valor de US$ 7,38 bilhões, enquanto o faturamento foi de US$ 846 milhões, com alta de 2,7%.

No segundo trimestre, houve recuo no crescimento da região norte-americana, sobretudo nos EUA. Segundo a holding, o resultado é consequência da baixa nas receitas advindas de clientes de tecnologia. Além disso, a China teve desepenho aquém do esperado.

Nos primeiros seis meses do ano, as agências integradas e globais do WPP obtiveram crescimento de 2,2% (1,5% no segundo trimestre), enquanto o GroupM, responsável pela mídia, cresceu 6,1%.

Apesar de o relatório afirmar que o desempenho em novos negócios tenha sido forte no semestre, chegando a US$ 2 bilhões, o CEO do WPP, Mark Read, declarou em call aos investidores que os clientes estão em um ponto interessante do ciclo de inovação, mas que os modelos de negócio não estão necessariamente claros para eles. “À medida que se tornarem mais claros, veremos um maior volume de marketing em torno de muitos desses novos produtos”, disse.

Os novos produtos aos quais se refere Read dizem respeito às ferramentas de tecnologia que vêm sendo adotadas pelas marcas de maneira geral. De acordo com ele, houve atraso em projetos relacionados a tecnologia de muitos clientes, o que impactou, em primeiro lugar, as agências integradas e criativas do grupo, como AKQA, VMLY&R e Wunderman Thompson.

Com isso, a companhia espera que esse ritmo de atividades se mantenha no segundo semestre, o que a levou a reduzir a projeção de crescimento anual, antes estimada em 3% a 5%, para 1,5% a 3%.

Desaceleração em novos negócios e aposta em IA

Além de o grupo ter sido atingido pela desaceleração dos investimentos dos clientes em tecnologia, houve, em maio, a saída da conta da Pfizer, que, em concorrência global, dividiu suas verbas entre Publicis Groupe e IPG. Entre as conquistas de contas na primeira metade do ano estão clientes como easyJet, Mondelez, Reckitt e Pernod Ricard.

No relatório, Read ressaltou o bom desempenho do GroupM em mercados como América Latina, Ásia-Pacífico, Europa e Reino Unido, assim como os investimentos dos clientes de bens de consumo, serviços financeiros e healthcare. Os clientes de tecnologia, segundo ele, continuam representando uma parte importante para o crescimento de longo prazo do WPP.

Em 2021, a holding adquiriu a Satalia para ampliar a utilização de inteligência artificial e, em maio de 2023, firmou parceria com a Nvidia para constuir ferramentas de IA generativa. Nos últimos meses, foram desenvolvidos projetos de IA para marcas como Nike, Mondelez e Nestlé. “IA será fundamental para o futuro do WPP e estamos comprometidos em abraçá-la para impulsionar crescimento de longo prazo e valor”, disse Read.

Nesta semana, a holding firmou parceria global com o Spotify para permitir o acesso dos clientes às ferramentas publicitárias e de dados do serviço de streaming. Ao longo do primeiro semestre, a operação adquiriu as empresas Goat e Obviously, com o intuito de fortalecer atuação no marketing de influência.

Confira matéria no Meio e Mensagem

Voltar para Início

Notícias Relacionadas

Publicis e Leo Burnett vencem concorrência do Bradesco
Agências atenderão a conta do banco, que estava com a WMcCann e Y&R. Gestão e posicionamento da marca ficarão sob a responsabilidade da Publicis.
Democracia depende de revisão do modelo de negócios das redes sociais
Cofundador da revista Wired na década de 1990, o designer John Plunkett, ao falar das redes sociais, deixa de lado o otimismo pelo qual sua antiga publicação sobre o futuro e sua relação com a tecnologia sempre foi conhecida. Em painel no evento Rio2C, que acontece nesta semana no Rio de Janeiro, Plunkett é enfático […]

Receba a newsletter no seu e-mail