Home / STJ decide que obras audiovisuais não podem ser tributadas com ISS

STJ decide que obras audiovisuais não podem ser tributadas com ISS

Fonte: Propmark

8 de fevereiro de 2022

Medida favorece diretamente as empresas associadas da Apro, no entanto, abre jurisprudência para que outras produtoras obtenham o benefício na Justiça

O STJ (Superior Tribunal de Justiça) decidiu que produtoras de obras audiovisuais publicitárias ou de conteúdo de entretenimento para TV, cinema e internet não são obrigadas a pagar alíquota de 5% de ISSQN (Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza).

Como o PROPMARK apurou, a decisão favorece os associados da Associação Brasileira de Produção de Obras Audiovisuais – a autora do pedido –, entretanto, abre a possibilidade para que qualquer empresa de produção e/ou gravação audiovisual fique dispensada de pagamento do tributo, desde que também ingresse com ação na Justiça.

O advogado João Paulo Morello, sócio do escritório Coelho & Morello Advogados Associados, afirmou que a ação teve como escopo a anulação da solução de consulta da Prefeitura de São Paulo.

Ainda segundo ele, o Executivo da capital entendeu indevidamente que as atividades de produção e gravação audiovisuais de qualquer natureza estariam enquadradas na lista de serviços que se refere à cinematografia.

“No entanto, sobre a produção audiovisual seria aplicável o item 13.01 da lista de serviços, caso este não tivesse sofrido veto presidencial, ou seja, hoje não há norma na lei complementar que disponha sobre a tributação da produção audiovisual”, diz.

Em outubro de 2018, o juiz de primeira instância julgou improcedente o pedido da APRO, sentença – lembra o advogado – que foi reformada pelo Tribunal de Justiça de SP, uma vez que a Justiça levantou a possibilidade de a atividade de produção ser tributada pelo item 17.06 (relativo à publicidade e propaganda). À época, a associação interpôs um recurso especial para o STJ, assim como a Prefeitura de São Paulo – fato que aconteceu em abril de 2019.

Procurada, a Apro não quis se manifestar no momento.

Confira matéria no Propmark

Voltar para Início

Notícias Relacionadas

Inscrições para a 25ª do El Ojo de Iberoamérica vão até sexta
O Festival Internacional El Ojo de Iberoamérica, considerado o mais importante evento global de criatividade latina, encerra nesta sexta-feira, 30, o período de inscrições de trabalhos para participar dos Prêmios de sua edição 2022. Mais de 600 profissionais do universo da publicidade já deixaram suas marcas ao longo de 25 anos do Festival. Celebrando as melhores ideias, profissionais e […]
Senado retira de MP artigo que adiava LGPD e advogados divergem sobre vigência da lei
O Senado Federal aprovou a MP 959/2020 e retirou o artigo 4º do texto, que visava adiar o início da vigência da LGPD, mas afirmou que a lei não passa a valer imediatamente. Data da entrada em vigor da LGPD, no entanto, ainda gera dúvidas. Leia Mais

Receba a newsletter no seu e-mail