Home / Kantar revela as tendências do marketing para 2024

Kantar revela as tendências do marketing para 2024

Fonte: Propmark

7 de dezembro de 2023

A Kantar anunciou o lançamento do relatório “Marketing Trends 2024”, que reúne as principais tendências de marketing para o próximo ano.

O levantamento, feito pela divisão de Insights da empresa, combina dados atitudinais e de performance e tem como objetivo ajudar os profissionais da área a maximizar suas estratégias de crescimento.

“Uma cultura de aprendizagem contínua e tomada de decisões baseada em dados é essencial para que o mercado navegue na transformação tecnológica e cultural que estamos vivendo. O Marketing Trends 2024 apresenta em um guia prático as ferramentas e o conhecimento necessários que os profissionais de marketing precisam para liderar essa mudança”, afirmou Maura Coracini, diretora de Mídia&Digital de Insights na Kantar.

A primeira tendência apontada pela Kantar é o uso da inteligência artificial no processo criativo e, segundo a empresa, 67% dos profissionais de marketing se sentem positivos em relação às possibilidades da IA generativa.

Em seguida, estão os valores culturais uma vez que os consumidores estão cada vez mais exigentes em relação às marcas. O estudo apontou que 80% dos consumidores globais afirmaram estar dispostos a fazer um esforço para comprar de empresas que apoiam causas que sejam relevantes para eles.

Além disso, a Kantar também apontou que o próximo ano deve favorecer empresas que se posicionem a respeito de questões sociais e ambientais e que sejam consistentes com seu DNA de marca. Segundo a empresa, ser autêntica e tomar partido sobre questões importantes para a sociedade irá garantir um caminho para construir conexão emocional com os consumidores.

A importância da métrica de atenção para mensuração de efetividade de mídia e criatividade também foi apontada como uma das tendências para os próximos meses e o relatório da Kantar mostrou que 62% dos profissionais de marketing ainda preferem trabalhar com métricas comportamentais, como tempo de visualização.

Outra tendência apontada é a que foi chamada de “troca para medidas holísticas de sucesso”. De acordo com o levantamento, 42% das empresas estão incorporando métricas de sustentabilidade em seus KPIs, comparado com 26% em 2021, e essa tendência demonstra uma transformação no mercado para um maior equilíbrio entre lucro, planeta e pessoas.

O estudo também apontou que marcas percebidas como inovadoras pelos consumidores alcançam três vezes mais crescimento do que as que não são. No entanto, os níveis de inovação pós-pandemia estão mais baixos e, por isso, a empresa está apostando que que atuar nessa frente será uma agenda essencial para toda empresa que quiser encontrar um caminho de crescimento em 2024.

Ainda de acordo com a análise, a indústria de FMCG/CPG (bens de consumo de rápido movimento, também conhecidos como bens de consumo embalados) tem visto marcas impulsionando um crescimento desproporcional à medida que procuram confrontar conceitos, ideias, necessidades e ocasiões do consumidor.

Segundo a Kantar, um em cada dois compradores globais tem preferido consumir de marcas menores e o movimento do próximo ano irá apontar se essa prática continuará sendo bem sucedida. Para acompanhar o ritmo, a empresa apontou que grandes marcas precisarão trabalhar a agilidade, velocidade de lançamento no mercado, centralização no consumidor e tomada de decisões baseadas em dados.

Outro caminho apontado pela Kantar é a “premiunização”. Com a inflação atingindo o bolso dos consumidores e as marcas próprias de produtos ganhando participação, as empresas estão recorrendo a fatores como promoções de preços, reduflação e descontos para manter a participação no mercado. Para a empresa, os profissionais de marketing irão se apoiar no gerenciamento de preços para garantir que preço e valor se alinhem.

Segundo o relatório, a pesquisa está passando por um período de mudanças com a popularização da IA e de grandes modelos de linguagem. Um reflexo disso é o fato de que os buscadores online se consolidaram como quinto ponto de contato mais forte em termos construção de impacto de marca. Agora, de acordo com a empresa, será a hora de revisar estratégias e conteúdos digitais para garantir visibilidade onde os consumidores estão.

Por fim, a última tendência apontada é sobre o varejo e a publicidade. Em meio às mudanças nos comportamentos dos consumidores, a mídia de varejo aparece como um canal essencial para engajar audiências e dados da Kantar mostraram que 60% dos profissionais de marketing na América Latina declararam que investirão mais em mídia de varejo no próximo ano.

Olhando para 2024, o estudo apontou que compradores e vendedores precisarão de medições independentes para comprovar o desempenho do canal e para criar melhores experiências de publicidade.

Confira matéria no Propmark

Voltar para Início

Notícias Relacionadas

ABAP e Africa são painelistas no evento Afro Presença do Ministério Público do Trabalho
Alexandre Gibotti, diretor-executivo da ABAP, e Camila Fidélis, diretora de Cultura e Pessoas da Africa, discursaram na Plenária "Ações afirmativas nos escritórios de advocacia e agências de publicidade".
Sim, a geração Z prefere trabalhar para grandes empresas
Quando se trata de começar a vida profissional, a geração Z provavelmente é a que está enfrentando mais dificuldades do que as anteriores nesse mesmo estágio da carreira. Em 2022, os primeiros representantes dos zennials estão terminando a faculdade e enfrentando um cenário de inflação, custo de vida aumentando rapidamente e uma ameaça de volta […]

Receba a newsletter no seu e-mail