Home / Falta emoção na propaganda, diz CEO da AlmapBBDO

Falta emoção na propaganda, diz CEO da AlmapBBDO

Fonte: Brazil Journal

1 de setembro de 2023

A agência AlmapBBDO criou uma propaganda que gerou tanta repercussão quanto polêmica neste ano: a que reuniu, por meio de inteligência artificial, a cantora Elis Regina e sua filha, a também cantora Maria Rita. O filme foi criado para comemorar os 70 anos da Volkswagen no Brasil, e não foi fácil convencer a montadora a topar a ideia, diz o CEO Filipe Bartholomeu.

“Assumimos o risco e começamos a criar mesmo sem a aprovação final do cliente. E tivemos a sorte que a Volkswagen tinha acabado de nomear o primeiro CEO brasileiro da história, o Ciro Possobom, que acabou bancando a ideia”, diz ele. Para o executivo, o marketing emocional continua dando resultado – dentro do que se propõe a fazer, que é gerar valor para a marca no longo prazo. Mas está mais difícil convencer as empresas a embarcar nesse tipo de projeto. “Está faltando todo tipo de emoção (na propaganda), aquela que faz rir e aquela que faz chorar,” disse ele.

Segundo o executivo, o marketing de performance tem dominado as discussões em agências e empresas. Essa racionalidade funciona, diz ele, mas no curto prazo. Bartholomeu não vê a publicidade em crise, Para ele, o mercado está mudando radicalmente, assim como as agências – mas nunca o consumo de conteúdo de marcas foi tão grande como agora.

Confira matéria no Brazil Journal

Voltar para Início

Notícias Relacionadas

1ª Câmara abre reuniões de abril
O Conselho de Ética iniciou na manhã de hoje, por meio da sua 1ª Câmara, as sessões virtuais de julgamento do mês de abril. Confira os resultados: Representação Nº 280/21, “Recofarma Ind. Amazonas – Game pede Fanta”. Resultado: sustação para um dos questionamentos, arquivamento para outro, por unanimidade. Representação Nº 034/22, “Baston Indústria de Aerossóis […]
Pandemia aumenta distância entre mulheres reais e publicidade, diz estudo
Estudo realizado pela 65|10, consultoria especializada em comunicação para mulheres, indica um descompasso entre os ânimos em casa e o estado de espírito das propagandas e revela que a ideia da tripla jornada feminina foi substituída pela percepção de que as mulheres vivem uma jornada de trabalho contínua.Leia Mais

Receba a newsletter no seu e-mail