Home / Consumidor confia mais em marca com propósito

Consumidor confia mais em marca com propósito

Fonte: Propmark

3 de setembro de 2021

PPI Brasil 2021, estudo da InPress Porter Novelli, mostrou também que 88% preferem comprar marcas que defendem algo maior do que seus produtos e serviços

Os propósitos de uma empresa como marca têm sido protagonistas de muitos debates sobre a tendência do marketing no pós-pandemia. E a afirmação se confirmou no PPI Brasil 2021, estudo da InPress Porter Novelli: 90% confiam mais em uma empresa com propósito, enquanto 88% preferem comprar marcas que defendem algo maior do que seus produtos e serviços.

O levantamento mostrou também que 76% dizem perceber quando uma empresa age de forma contrária aos seus valores. Além disso, autenticidade, ética, tratamento aos funcionários e proteção ao meio ambiente são os fatores ligados ao propósito que mais pesam na hora de escolher uma marca.

“O estudo serve de referência sobre a visão e opinião pública a respeito do tema e é um importante insumo para formulação de estratégias de gestão, posicionamento corporativo, marketing e comunicação das empresas que operam no país”, pontua Roberta Machado, CEO da InPress Porter Novelli.

Foram realizadas duas rodadas da pesquisa, totalizando quase 4 mil entrevistas que revelam que, dos atributos que compõem o propósito, o cuidado com as comunidades e a preocupação com o meio ambiente aparecem como os dois mais importantes na opinião dos entrevistados.

Entre as gerações, os Millenials tendem a valorizar mais a defesa de causas e a solidariedade, enquanto a geração X aprecia mais a contribuição social e o cuidado com as comunidades. As pessoas da classe DE e aquelas que possuem ensino fundamental destacam-se por se importarem mais com a solidariedade e a contribuição social.

Confira a matéria no Propmark.

Voltar para Início

Notícias Relacionadas

Decisão do Conselho Brasileiro de Publicidade discute publicidade baseada em algoritmos
Introdução A publicidade baseada em algoritmos usa informações do consumidor coletadas de mídia digital. Uma vez identificados os interesses (como padrões de pesquisa online), a publicidade personalizada é direcionada a um determinado público-alvo, aumentando a probabilidade de engajamento com o produto ou serviço oferecido. Não é por acaso que esse modelo de publicidade tem se […]
Women To Watch 2020: raça, política, liderança e comunicação
Alexandra Loras, ex-consulesa da França em São Paulo e que atua em causas da equidade racial e de gênero, Patricia Ellen, secretária de desenvolvimento econômico, ciência e tecnologia do Estado de São Paulo, Daniela Cachich, VP de marketing da PepsiCo, e Maria Laura Nicotero, CEO da Momentum Brasil e VP da ABAP, participaram de painéis […]

Receba a newsletter no seu e-mail