Home / “Uma atividade como a publicidade merece ser valorizada. E merece ser respeitada”

“Uma atividade como a publicidade merece ser valorizada. E merece ser respeitada”

Fonte: ABAP

9 de junho de 2021

A ABAP e a Fenapro veicularam, na quarta-feira, 9 de dezembro, um anúncio conjunto pela valorização da publicidade brasileira. A campanha foi criada e produzida pela agência África, com redação do presidente da ABAP, Mario D’Andrea. O anúncio foi veiculado nos jornais Valor Econômico, O Estado de S. Paulo, O Globo, Folha de S. Paulo, Correio Braziliense, Estado de Minas, A Tarde, Correio, Tribuna, O Tempo, Jornal da Cidade (MG), Jornal Metro (MG), Diário do Comércio (MG), Jornal Super Notícia, Folha de Pernambuco, Diário de Pernambuco, Jornal do Commercio (PE) e Zero Hora.

Leia também:
Fenapro e ABAP defendem valorização da atividade publicitária
Propmark

O objetivo da campanha, segundo as entidades, é “ressaltar não só a qualidade da propaganda brasileira – posicionada entre as três melhores do mundo -, mas, principalmente, o profissionalismo e ética que caracterizam sua atuação, e que são orientados por um modelo reconhecido de autorregulamentação e por diversas leis federais”. https://bit.ly/3oJWwBl

Voltar para Início

Notícias Relacionadas

Agências adotam flexibilização como regra para rotina de trabalho
A flexibilização no uso de máscaras, anunciado por algumas cidades brasileiras nos últimos dias, trouxe a sensação de que o período mais crítico da pandemia de Covid-19 pode, finalmente, ter ficado para atrás. O avanço dos índices de imunização na população brasileira associado à diminuição dos números de infectados permitiu que algumas atividades, como os […]
Internet avança, mas TV aberta ainda lidera os investimentos em publicidade
O Cenp-Meios divulgou o total dos investimentos em publicidade no mercado brasileiro em 2021. O valor investido via agências de publicidade no ano passado chegou a R$ 19,7 bilhões, e a maior fatia desse montante, 45,4%, foi para a TV aberta, seguida pela Internet, que ficou com 33,5%. Apesar de Televisão ainda seguir na liderança, […]

Receba a newsletter no seu e-mail