Home / Emergência climática: anunciantes cobram plataformas

Emergência climática: anunciantes cobram plataformas

Fonte: Meio e Mensagem

9 de novembro de 2021

Em carta aberta, Conscious Advertising Network pede na COP26 que empresas como Google, Facebook, Twitter e TikTok combatem a desinformação em seus conteúdos

Anunciantes de todo o mundo, por meio da Conscious Advertising Network, entidade global que visa difundir as boas práticas no mercado publicitário, divulgaram nesta terça-feira, 9, uma carta aberta, direcionada às grandes plataformas e redes sociais como Facebook, Google, Twitter, TikTok, Pinterest e Reddit, pedindo mais cuidado em relação à propagação de informações sobre o clima em seus conteúdos. O documento conta mais de 250 assinaturas.

A carta surge também com a intenção de mobilizar os grandes líderes mundiais que participam da COP26, a conferência sobre o clima que está acontecendo em Glasgow, na Escócia.

Pedindo que a desinformação disseminada sobre as mudanças climáticas seja controlada e freada pelas grandes plataformas, a carta ainda pede que os líderes que participam do fórum em Glasgow tomem medidas para combater a desinformação. “O problema que estamos tentando resolver é que muitas das grandes plataformas tecnológicas não têm uma política contra desinformação climática”, diz o documento.

A iniciativa se deu após um recente monitoramento do Institute for Strategic Dialogue e outras 10 organizações de mudanças climáticas que perceberam que o aumento da desinformação propagada nas redes sociais está numa crescente. Uma pesquisa da Stop Funding Heat captou 113 anúncios no Facebook com mensagens como “a mudança climática é uma farsa” entre janeiro e outubro de 2021.

“A ameaça para a COP26 e a ação climática não é abstrata, nós vimos desinformação descarrilhar em outras conferências anteriormente”, dizem as empresas na carta.

Confira matéria completa no Meio e mensagem

Voltar para Início

Notícias Relacionadas

Facebook manipula audiência e omite relatórios a investidores, diz denúncia à SEC
Denúncia de ex-funcionária do Facebook à Comissão de Valores Mobiliários dos EUA afirma que a plataforma "deturpou as principais métricas para investidores e anunciantes" e se soma às acusações de falta de medidas contra extremismo, discursos de ódio e violência étnica.
16 agências participam de licitação pela conta da Sabesp
A Sabesp recebeu esta semana as propostas das agências interessadas em participar do processo licitatório que escolherá seis agências. 16 agências enviaram suas propostas: Adag, Artplan, Babel, Berghtoledo, E3, Lew’Lara\TBWA, Lua, Nacional, Nova/SB, Octopus, Ogilvy, Propeg, RP, Vivas, WMcCann e Z515. Leia Mais

Receba a newsletter no seu e-mail