Release

        

27/04/2020


Abap lança campanha “Mostre Que Por Trás De Uma Máscara Tem Alguém Legal”


A ABAP (Associação Brasileira das Agências de Publicidade) e a Fenapro (Federação Nacional das Agências de Propaganda) criaram uma campanha para incentivar o uso de máscaras sociais pela população. A orientação é para que as pessoas continuem em casa, mas que utilizem o acessório caso precisem sair de suas residências. Máscaras sociais não têm finalidade médico-cirúrgica, mas estudos apontam como uma medida eficiente de proteção adicional ao distanciamento social, além, é claro, da higiene das mãos e aos cuidados ao espirrar.

 

“A utilização das máscaras precisa se tornar um hábito para o brasileiro”, diz Mario D´Andrea, presidente nacional da Abap.  “Uma das missões da publicidade é informar e orientar sobre medidas que tragam benefícios para a qualidade de vida da população. A publicidade tem essa força multiplicadora e orientadora. Por isso fizemos essa campanha - para atender rapidamente a uma necessidade de saúde pública.”

 

O enxoval publicitário conta com um filme de 30 segundos, peça para jornal e revista, mídia OOH e Peças digitais para mídia online. A criação da campanha é dos publicitários Mario D´Andrea e Filipe Cuvero e tem o apoio da Abert (Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão), ANJ (Associação Nacional de Jornais), Aner (Associação Nacional das Editores de Revistas), ABOOH (Associação Brasileira MídiaOut Of Home), ABTA (Associação Brasileira de TV por Assinatura), CENP(Conselho Executivo das Normas-Padrão) e IAB Brasil (InteractiveAdvertising Bureau).

 

Ficha Técnica

Título: “Mostre Que Por Trás De Uma Máscara Tem Alguém Legal.”

Idealização: Abap

Criação: Mario D´Andrea e Filipe Cuvero

Produção: Dentsu 

Imagem:  Sagaz Filmes

Som: Liquo

Gráfica: Blue11

 

Dicas para máscaras sociais

MÁSCARA CASEIRA DE ALGODÃO (camisetas, fronhas, etc.) ou COTTON composto de poliéster 55% e algodão 45%) 

  • O uso da máscara caseira é individual, não deve ser compartilhada.
  • Coloque a máscara com cuidado para cobrir a boca e nariz e amarre para diminuir espaços entre o rosto e a máscara. 
  • Enquanto estiver utilizando a máscara, evite tocá-la na rua, não fique ajustando a máscara.
  • Ao chegar em casa, lave as mãos com água e sabão antes de retirar a máscara.
  • Remova a máscara pegando pelo laço, elástico ou nó da parte traseira; evite tocar na parte da frente. 
  • Para lavar: faça a imersão da máscara em recipiente com água potável e água sanitária por 30 minutos. A proporção de diluição é de 1 parte de água sanitária para 50 partes de água (exemplo: 10 ml de água sanitária para 500 ml de água potável).
  • Após o tempo de imersão, enxágue em água corrente e lave com água e sabão. 
  • Após lavar a máscara, a pessoa deve higienizar as mãos com água e sabão.
  • A máscara deve estar seca para sua reutilização. 
  • Trocar a máscara sempre que apresentar sujeira ou umidade.
  • Se surgirem sinais de desgaste, a máscara deve ser inutilizada e nova máscara deve ser feita.

 

Mais informações para a imprensa – Giusti Comunicação

Francisco Itacarambi – francisco@giusticom.com.br– (11) 5502-5461

Pâmela Kometani – pamela@giusticom.com.br – (11) 5502-5456